Posts Tagged ‘Mitos capitaliistas’

Sete mitos que os capitalistas gostariam que ficassem longe do público

dezembro 17, 2013

um tubo de Xalacon, remédio obrigatório para quem sofre de glaucoma, contem 2,5 ml e cada ml contém 5mg de timolol que é o princípio ativo para o tratamento do glaucoma. O preço que as pessoas portadoras de glaucoma pagam pelo remédio, e naturalmente todos pagamos porque o governo fornece para os que não podem pagar, é de R$147,00 , cento e quarenta e sete reais. Ao comprar por R$147,00, está recebendo 12,5 mg de timolol, quer dizer, que precisariam compra 80mil frascos para compor um litro. Conclusão, estão pagando, os dependentes deste produto, à razão de R$ 11.760.000 por litro de timolol, sendo este o preço que esta indústria quimico-farmaceutica ganha por litro timolol da população que é forçada a usar este produto para não ficar cega em função do glaucoma. Neste caso estão tranformando um real em onze milhões, setecentos e sessenta mil reais. Ou seja, como dizia São João Crisóstomo, um padre da Idade Média, para ficar rico é preciso roubar, fique bem claro, são palavras do São João Crisóstomo, O boca de Ouro, que eu apenas estou repetindo, e que fique ainda mais c.laro, eu não tenho nada o que ver com isto, até mesmo porque eu não sou cristão.

Matemática em Sobral

http://www.commondreams.org/view/2013/12/16-1

Published on Monday, December 16, 2013 by Common Dreams

Sete mitos que os capitalistas gostariam que ficassem longe do público

by Paul Buchheit

Tradutor: Tarcisio Praciano-Pereira

Aquilo que capitalismo gostaria que ficasse em silêncio encheria um livro … ou uma hora de noticiario noturno. (File)

A evasão fiscal de grandes líderes empresariais, são em grande parte responsáveis ​​por esses abusos. O ongresso apenas permite que isso aconteça. Líderes empresariais e membros do Congresso parecem incapazes de se relacionar com as pessoas que estão sendo vítimas, e a mídia parece ter perdido a capacidade de expressar os pontos de vista de baixa renda americanos.

1. Empresas lucram com subsídios alimentares

É estranho pensar que instituições financeiras da classe de bilhões de dólares contestem os cortes no programa de subsídios alimentares, mas de fato algumas delas são exatamente ao administradoras do programa e cobram taxas sobre benefícios destinados a crianças e…

Ver o post original 1.475 mais palavras